Noticias

Após se tornar vegano, restaurante de NY tem fila de espera de 15 mil pessoas

Foto: Reprodução/Instagram

Em maio passado, o chef Daniel Humm surpreendeu o mundo da alta gastronomia ao anunciar que seu premiado restaurante, o Eleven Madison Park, em Nova York (EUA), passará a servir apenas receitas veganas.

+Premiado restaurante de Nova York vai se tornar vegano
+Vegana invade restaurante e acusa clientes de cometer “holocausto”
+União Europeia aprova consumo de alimentos feitos com insetos

E a decisão de remover produtos de origem animal de sua cozinha parece ter agradado ao público – mais de 15 mil pessoas já estão na fila de espera para almoçar ou jantar no restaurante e experimentar as novas criações de Humm.

Não é pouca coisa, levando em consideração que o menu degustação mais barato do Eleven Madison Park sai por US$ 335 (cerca de R$ 1.800), sem incluir bebidas e a gorjeta, de cerca de 20%.

Insegurança alimentar

Ao anunciar a mudança, Humm explicou que foi influenciado pelo trabalho comunitário que realizou nos últimos meses, quando ele e sua equipe cozinharam pratos para alimentar pessoas que ficaram em situação de insegurança alimentar por causa da pandemia do novo coronavírus.

O chef disse ainda que pretende usar frutas, legumes, grãos e cogumelos para recriar alguns de seus pratos mais famosos, como o pato com cobertura de mel de lavanda ou a lagosta escaldada na manteiga.

(*) Da redação da Menu

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana