Noticias

A Casa do Porco é eleito o 17º melhor restaurante do mundo

Foto: Maria Vargas/Divulgação
Foto: Maria Vargas/Divulgação

Comandado pelos chefs Jefferson e Janaína Rueda, o restaurante A Casa do Porco, ficou em 17ª lugar na lista World’s 50 Best Restaurants, organizada pela revista britânica Restaurant, e que é considerada o “Oscar” da gastronomia. O anúncio aconteceu nesta terça-feira (5) na cidade de Antuérpia, na Bélgica.

+Restaurante A Casa do Porco é o melhor brasileiro em ranking francês
+A Casa do Porco é eleito o 4º melhor restaurante da América Latina
+Janaína Rueda recebe prêmio de chef Ícone da América Latina de 2020

Na última edição do prêmio, realizada em 2019, A Casa do Porco figurava no 39º lugar da lista. Neste ano, o restaurante do casal Rueda é o único endereço brasileiro a figurar entre os 50 melhores do mundo.

“É uma honra para gente estar na lista ao lado de grandes chefs do mundo. Penso que esse prêmio é para todo o Brasil, para todos os chefs e restaurantes do nosso País, que representam tão bem a nossa gastronomia”, declarou Jefferson Rueda, que esteve presente na cerimônia de premiação.

Já no primeiro lugar está o Noma, em Copenhague, na Dinamarca, que ficou em segundo lugar na última premiação. Em seguida, estão os restaurantes o Geranium, também em Copenhague; o espanhol Asador Etxebarri; o peruano Central; e outro espanhol, o Disfrutar.

O D.O.M., de Alex Atala, que aparece na lista desde 2006 e já figurou entre os 5 melhores do mundo, ficou com a 61ª posição. O Maní, da chef Helena Rizzo, que já foi eleito o 36º melhor restaurante do mundo, deixou o ranking global. A casa apareceu em 73º lugar em 2019.

Do Rio de Janeiro, o Oteque, do chef Alberto Landgraf, atingiu o 67º lugar. Já o Lasai, de Rafa Costa e Silva, ficou em 85º. Confira a seguir a lista completa com os 50 melhores restaurantes do mundo de 2021.

World’s 50 Best Restaurants 2021

1. Noma (Dinamarca)

2. Geranium (Dinamarca)

3. Asador Etxebarri (Espanha)

4. Central (Peru)

5. Disfrutar (Espanha)

6. Frantzén (Suécia)

7. Maido (Peru)

8. Odette (Cingapura)

9. Pujol (México)

10. The Chairman (China)

11. Den (Japão)

12. Steirereck (Áustria)

13. Don Julio (Argentina)

14. Mugaritz (Espanha)

15. Lido 84 (Itália)

16. Elkano (Espanha)

17. A Casa do Porco (Brasil)

18. Piazza Duomo (Itália)

19. Narisawa (Japão)

20. Diverxo (Espanha)

21. Hiša Franko (Eslovênia)

22. Cosme (Estados Unidos)

23. Arpège (França)

24. Septime (França)

25. White Rabbit (Rússia)

26. Le Calandre (Itália)

27. Quintonil (México)

28. Benu (Estados Unidos)

29. Reale (Itália)

30. Twins Garden (Rússia)

31. Restaurant Tim Raut (Alemanha)

32. The Clove Club (Reino Unido)

33. Lyle’s (Reino Unido)

34. Burnt Ends (Cingapura)

35. Ultraviolet by Paul Pairet (China)

36. Hof Van Cleve (Bélgica)

37. Singlethread (Estados Unidos)

38. Boragó (Chile)

39. Florilège (Japão)

40. Sühring (Tailandia)

41. Alléno Paris au Pavillon Ledoyen (França)

42. Belcanto (Portugal)

43. Atomix (Estados Unidos)

44. Le Bernardin (Estados Unidos)

45. Nobelhart & Schmutzig (Alemanha)

46. Leo (Colômbia)

47. Maaemo (Noruega)

48. Atelier Crenn (Estados Unidos)

49. Azurmendi (Espanha)

50. Wolfgat (África do Sul)

(*) Da redação da Menu

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana