Bebida

Budweiser cancela anúncio no Super Bowl pela 1º vez em 37 anos

Foto: iStock

da redação da Menu

No próximo dia 7 de fevereiro, o Super Bowl, a final do campeonato de futebol americano, terá uma de suas tradições quebradas: a cerveja Budweiser decidiu que não irá exibir comerciais durante a transmissão da partida, um fato inédito nos últimos 37 anos.

+Confira petiscos para comer durante o Super Bowl que são sucesso nos EUA
+Apartamento na Flórida é totalmente decorado com latas de Budweiser
+Com pandemia, exportações de cachaça caem 23,9% em 2020

A decisão foi tomada por causa da pandemia do novo coronavírus. Em vez de anunciar durante o Super Bowl, que cobra cerca de US$ 5,5 milhões (cerca de R$ 30 milhões) por cada exibição de um comercial de 30 segundos, parte do valor será doado a uma campanha pra incentivar a vacinação nos EUA.

Antes do jogo, porém, a marca vai exibir pela internet um anúncio de 90 segundos estrelado por Rashida Jones, do seriado “The Office”, alertando as pessoas sobre a importância da vacinação contra o coronavírus.

As ações da Anheuser-Busch Inbev, fabricante da Budweiser, caíram 14,5% em 2020. Resultados ruins também fizeram com que a Coca-Cola e a Pepsi cancelassem seus anúncios no Super Bowl de 2021.

Saiba mais
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Vídeo: Por causa de dívida, mulher joga gasolina e ateia fogo em idoso
+ Como limpar capinha de celular transparente de 5 maneiras
+ Cientistas descobrem as causas da progressão do Alzheimer no cérebro
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio