• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Anuncie
Revista Menu
MenuMenu
FECHAR
  • Home
  • Receitas
  • Últimas
  • Comidas
  • Bebidas e Drinks
  • Menu Testa
  • Siga-nos:Facebook
Notícias02/03/2022

Cerimonialista é denunciado à Polícia Civil após chamar chef de “lixo”

Cerimonialista é denunciado à Polícia Civil após chamar chef de "lixo" (Foto: Divulgação)

Cerimonialista é denunciado à Polícia Civil após chamar chef de “lixo” (Foto: Divulgação)

Pedro Marques
Texto por:Pedro Marques02/03/22 - 10h27min - Atualizado em 02/03/22 - 10h28min

O cerimonialista da região de Anápolis, no Estado de Goiás, Valeriano Filho, foi denunciado à polícia no domingo (27) após enviar áudios de WhatsApp humilhando o chef de cozinha Weslei Peres, que ficou conhecido nacionalmente após participar do quadro Jogo de Panelas do programa Mais Você, apresentado por Ana Maria Braga.

+Segurança do Burger King agride garoto de 12 anos que pedia comida
+Mulher diz ter sido agredida e chamada de “macaca” em restaurante do RJ
+Bandeira ligada a racistas dos EUA é hasteada em evento cervejeiro em Petrópolis

“Eu faço festas boas. Eu ganho dinheiro, sou profissional. Você não é nada, você é um lixo. Nem festinha você faz, Weslei. Você nem panela tem para cozinhar, não tem nem material”, disse Valeriano em um dos áudios obtidos pela reportagem do site Metrópoles. Após receber os áudios, Weslei registrou ocorrência por injúria e ameaça.

De acordo com Weslei, Valeriano o ameaçou dizendo que iria acabar com a carreira dele e que ele não faria mais nenhum evento em Anápolis (GO), onde o cozinheiro reside. Valeriano chegou a contratar Weslei para seus eventos no passado, mas o cozinheiro deixou de trabalhar com o organizador quando seu trabalho começou a ficar conhecido na região.

“A gente já não se falava. Quando participei do programa da Ana Maria Braga, meu nome começou a crescer dentro da cidade e eu trabalhava com ele, fazia os eventos dele, mas decidi seguir sozinho, organizando os meus eventos só, e ele começou a me derrubar”, alega Weslei.

O motivo da confusão foi um aniversário de 15 anos que será realizado na cidade de Silvânia (GO), a 83 quilômetros de Goiânia. Responsável pelo evento, Weslei sugeriu aos pais da aniversariante uma profissional para cuidar da decoração da festa.

Valeriano teria acompanhado a decoradora indicada e se ofereceu para fazer o cerimonial. Weslei, no entanto, disse que ele não trabalharia com Valeriano. “Aí ele virou um veneno. Ontem, 9h40 da manhã começou a enviar áudio, um atrás do outro, me xingando, xingando minhas filhas, minha mãe, meu pai”, conta o cozinheiro.

Procurado, Valeriano não se manifestou sobre o episódio. Não é a primeira vez que ele se envolve em caso parecido. Em 2020, ele foi denunciado à Polícia Civil por insultar a diarista Maria José de Souza Marques. Valeriano vai pagar R$ 2 mil de indenização à diarista para encerrar o processo.

(*) Da redação da Menu

Saiba mais
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Vídeo: Por causa de dívida, mulher joga gasolina e ateia fogo em idoso
+ Como limpar capinha de celular transparente de 5 maneiras
+ Cientistas descobrem as causas da progressão do Alzheimer no cérebro
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
causas do racismo