Noticias

Cidade italiana inaugura museu sobre equipamentos de cozinha

Foto: Divulgação

da redação da Menu

Fogões e geladeiras, entre outros equipamentos de cozinha, mudaram muito com o passar dos anos, tanto no design quanto em funções.

+Samsung exibe robô que serve vinho e põe a louça para lavar
+Veja cinco cozinhas de celebridades que se destacam pela decoração
+Confira outras reportagens sobre equipamentos de cozinha

E, para registrar essas mudanças, a marca Bompani, fundada há cerca de 70 anos na cidade de Modena, na região da Emilia-Romagna (Itália), inaugurou neste fim de semana o primeiro museu dedicado à cozinha.

O acervo traz modelos originais da Bompani de cada uma das décadas desde sua fundação, passando pelo “boom econômico”, pelas inovações do design e pela invasão da alta tecnologia nas cozinhas, informa reportagem da agência de notícias “Ansa”.

“Com o nascimento desse museu nós realizamos um sonho. Queríamos lembrar da epopeia de uma marca histórica italiana e repassar um pedaço da história de um ponto de vista privilegiados para nós: aquele visto da cozinha”, destacou o CEO da Bompani, Enrico Vento.

Por causa da pandemia do novo coronavírus, a visitação, por enquanto, poderá ser feita apenas de virtualmente, no site da empresa.

Saiba mais
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Vídeo: Por causa de dívida, mulher joga gasolina e ateia fogo em idoso
+ Como limpar capinha de celular transparente de 5 maneiras
+ Cientistas descobrem as causas da progressão do Alzheimer no cérebro
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio