• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Anuncie
Revista Menu
MenuMenu
FECHAR
  • Home
  • Receitas
  • Últimas
  • Comidas
  • Bebidas e Drinks
  • Menu Testa
  • Siga-nos:Facebook
Notícias05/07/2022

Justiça determina que restaurante Terraço Itália indenize cliente constrangido por usar shorts

Justiça determina que restaurante Terraço Itália indenize cliente constrangido por usar shorts. (Foto: Reprodução/Terraço Itália)

Justiça determina que restaurante Terraço Itália indenize cliente constrangido por usar shorts. (Foto: Reprodução/Terraço Itália)

Luana Chinazzo
Texto por:Luana Chinazzo05/07/22 - 13h30min

A Justiça de Sergipe determinou que Terraço Itália, localizado em São Paulo, pague uma indenização de R$ 2 mil a um cliente que teve atendimento negado por usar shorts. A decisão foi da juíza Anuska Rocha Souza Barreto, do 3º Juizado Especial de Aracaju, que considerou que o restaurante não informou previamente o traje exigido para frequentar o local. 

+Frio em São Paulo? Descubra lugares para tomar sopas e caldos
+Faça em casa o arancini com gorgonzola do Terraço Itália

O autor conta, no processo, que estava em São Paulo para comemorar dois anos de casamento e que, no dia 2 de janeiro, fez uma reserva, mas não recebeu nenhuma orientação sobre a vestimenta. Ele afirma que, inclusive, verificou o e-mail de confirmação da reserva com intuito de saber se havia normas em relação à vestimenta antes de ir ao restaurante .

Após o casal ser recebido e acomodado em uma mesa, foram surpreendidos com a informação de que o homem não estava com uma roupa adequada para o local e tiveram o atendimento negado. A justiça entendeu que o acontecimento configurou falha na prestação do serviço.

Na ação, o cliente diz que foi expulso do restaurante, mas que o maître (gerente do estabelecimento) ofereceu como alternativa o uso da calça que compunha o uniforme dos funcionários. O homem ressaltou o constrangimento extra de atravessar o salão segurando as calças. 

O Terraço Itália é um restaurante tradicional em São Paulo, que funciona desde 1967 no topo do edifício Itália, um dos pontos mais altos da cidade.

Em sua defesa, o restaurante afirmou que o próprio cliente se sentiu incomodado ao chegar no ambiente pela roupa que usava. Por isso, a recepcionista sugeriu sutilmente o uso da calça dos funcionários e que foi o homem que solicitou a peça de roupa ao maître. Segundo o estabelecimento, o autor da ação não foi retirado do local e nem obrigado a usar a calça. Ao contrário, ele teria desfrutado do almoço normalmente. 

Para a juíza Barreto, o Terraço Itália falhou no seu dever de prestar informações claras a seus clientes. Segundo ela, cabe ao restaurante fornecer o aviso no ato da reserva, “mesmo havendo informações no site do requerido a respeito dos trajes adequados”.

Saiba mais
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Vídeo: Por causa de dívida, mulher joga gasolina e ateia fogo em idoso
+ Como limpar capinha de celular transparente de 5 maneiras
+ Cientistas descobrem as causas da progressão do Alzheimer no cérebro
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
chefs