Coluna

Produzidos no Chile, vinhos Veroni devem faturar R$ 8 mi no Brasil em 2022

Produzidos no Chile, vinhos Veroni devem faturar R$ 8 mi no Brasil em 2022
Produzidos no Chile, vinhos Veroni devem faturar R$ 8 mi no Brasil em 2022

Produzido na região do Valle Central do Chile e lançado no Brasil em dezembro de 2019, o vinho Veroni Rosé  é um blend exclusivo formulado por empresários brasileiros após dois anos de testes e consultorias com enólogos chilenos. Com as uvas Syrah e Merlot, que proporcionam aromas de frutas vermelhas, a bebida recebe o complemento do toque refrescante da Sauvignon Blanc.

O mais novo lançamento é o Veroni Bianco, um delicioso vinho branco da uva Chardonnay, também produzido no Chile, no Valle do Colchagua. Os dois rótulos são leves e fáceis de beber, perfeitamente refrescantes para o verão.

Instagram will load in the frontend.

Segundo a CEO da empresa, Livia Marques, “a marca já está presente em mais de 500 pontos de vendas distribuídos entre restaurantes, bares, mercados e empórios de São Paulo, Distrito Federal, Santa Catarina, Paraná e Goiás”. Dentre eles, nomes como Selezione Fasano e Hotel Unique. O Veroni também está expandindo a atuação para o Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. Para os demais estados, é possível comprar online, com frete grátis para todo Brasil.

Em 2020, seu primeiro ano de operação, a empresa faturou R$ 1,2 milhões e vendeu mais de 25 mil garrafas de rosé. Em 2021, pretende crescer 150%, atingindo 3 milhões de receita e 65 mil garrafas vendidas. No comparativo de janeiro a maio de 2020, com o mesmo período em 2021, o faturamento já teve um aumento superior a 400%. Para 2022 a meta é faturar R$ 8 milhões.

A marca já captou R$ 1,4 milhões de investidores estratégicos. O capital está sendo utilizado principalmente para a digitalização da operação, marketing e aumento de portfólio. “Em relação a digitalização, o Veroni pretende acelerar a integração das operações on-off no varejo e no atacado, aumentar significativamente a penetração no mercado online, participar com relevância dos e-commerce de vinhos e digitalizar o onboarding de novos representantes e distribuidores”, explica Ricardo Fernandes, sócio investidor que atua na empresa como advisory no processo de digitalização.

(*) Da redação Menu

Saiba mais
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Vídeo: Por causa de dívida, mulher joga gasolina e ateia fogo em idoso
+ Como limpar capinha de celular transparente de 5 maneiras
+ Cientistas descobrem as causas da progressão do Alzheimer no cérebro
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio