• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Anuncie
Revista Menu
MenuMenu
FECHAR
  • Home
  • Receitas
  • Últimas
  • Comidas
  • Bebidas e Drinks
  • Menu Testa
  • Siga-nos:Facebook
Notícias17/02/2022

Segurança do Burger King agride garoto de 12 anos que pedia comida

Segurança do Burger King agride garoto de 12 anos que pedia comida (Foto: iStock)

Segurança do Burger King agride garoto de 12 anos que pedia comida (Foto: iStock)

Pedro Marques
Texto por:Pedro Marques17/02/22 - 18h44min - Atualizado em 17/02/22 - 18h45min

Um menino de 12 anos foi agredido por um segurança da unidade do Burger King na Rodovia Anchieta, zona sul de São Paulo, na terça-feira (15).

+Saiba quais são as marcas de fast-food mais queridas pelos brasileiros
+McDonald’s passa a vender hambúrguer vegano em 600 lojas dos EUA
+Morre fundador do Bob’s, primeira rede de fast-food da América do Sul

Segundo reportagem da TV Globo, o garoto pedia comida a clientes da lanchonete quando recebeu um copo de refrigerante de uma mulher que deixava o local. O menino então entrou na loja para enchê-lo com “refil” da bebida, mas o segurança o acompanhou, arrancou o copo de sua mão e jogou o item no lixo.

Ao deixar o local, o garoto ainda foi agredido pelo segurança, que utilizou um cinto para atingi-lo nas costas. Após bater na criança, porém, o segurança foi atacado por um homem que estava com o menino.

Um vídeo gravado por um cliente mostra o segurança sendo derrubado e agredido com chutes. Outros clientes e funcionários interromperam a briga.

A mãe da criança também reagiu ao saber que o filho havia sido agredido pelo segurança. Ela foi até o estabelecimento cobrar um posicionamento da administração, mas foi ironizada pelos funcionários.

“Eles ficaram dando risada, todo mundo. Não vou deixar isso assim”, disse a mãe do garoto, que acredita que o episódio foi motivado por racismo.

Em nota, o Burger King afirmou que rompeu o contrato com a empresa que fornecia os seguranças para a lanchonete. A rede de fast-food disse também que “repudia qualquer ato de violência” e “segue apurando o caso para tomar as medidas cabíveis”.

(*) Da redação da Menu

Saiba mais
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Vídeo: Por causa de dívida, mulher joga gasolina e ateia fogo em idoso
+ Como limpar capinha de celular transparente de 5 maneiras
+ Cientistas descobrem as causas da progressão do Alzheimer no cérebro
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
burger king -- cardápio