• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Anuncie
Revista Menu
MenuMenu
FECHAR
  • Home
  • Receitas
  • Últimas
  • Comidas
  • Bebidas e Drinks
  • Menu Testa
  • Siga-nos:Facebook
Notícias25/06/2022

Supermercado de Vila Velha é criticado por vender pele de frango por R$ 2,99 o kg

Supermercado é criticado por vender pele de frango R$ 2,99 o kg (Foto: Reprodução)

Supermercado é criticado por vender pele de frango R$ 2,99 o kg (Foto: Reprodução)

Pedro Marques
Texto por:Pedro Marques25/06/22 - 07h29min

Usuários das redes sociais ficaram indignados nesta semana ao descobrirem que uma loja do supermercado Faé na cidade de Vila Velha, no Estado de Espírito Santo, estava vendendo bandejas pele de frango – sobra que costumava ser removida e jogada fora durante a limpeza das aves – por R$ 2,99 o quilo.

+Supermercado disfarça restos de queijo com corações e revolta redes sociais
+Doritos vendido por R$ 21,99 e com parcelamento viraliza nas redes sociais
+Vídeo: Ação em supermercados culpa Bolsonaro pela inflação dos alimentos

Muitos consumidores relacionaram o fato com a dificuldade que muitos brasileiros têm enfrentado para se alimentar diariamente e criticaram a política econômica do governo do presidente Jair Bolsonaro. De acordo o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), calculado pelo IBGE, preços dos alimentos aumentaram mais de 13% nos últimos 12 meses.

A comercialização do produto, no entanto, não é ilegal, desde que as regras sanitárias sejam seguidas, explicou Guilherme Farid, diretor executivo do Procon-SP. "Sob a perspectiva do direito do consumidor, a empresa tem liberdade para vender só a pele de frango", disse o especialista em entrevista ao UOL.

Por outro lado, Farid entende que a prática "chega a ser aviltante". "É desnecessário agir deste modo em busca do lucro até o último centavo. Não tem como fechar os olhos para essa situação no momento que o país atravessa. O recomendável é que o estabelecimento faça a doação do produto", acrescentou.

No Twitter, comentários semelhantes ao do diretor do Procon-SP foram publicados. Uma pessoa escreveu que era "inacreditável", outra afirmou que "o fundo do poço já é real". Outra ironizou, dizendo que "o Brasil está decolando".

A repercussão negativa do caso, pelo menos, fez com que o supermercado tirasse o produto das gôndolas. Sem se identificar, um funcionário do estabelecimento disse à reportagem do site A Gazeta que os itens "foram recolhidos" e encerrou a ligação em seguida.

(*) Da redação da Menu

Saiba mais
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Vídeo: Por causa de dívida, mulher joga gasolina e ateia fogo em idoso
+ Como limpar capinha de celular transparente de 5 maneiras
+ Cientistas descobrem as causas da progressão do Alzheimer no cérebro
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
bar fora do eixo